Adeptos do Benfica terão despejado extintores desde a varanda de residencial no Funchal

Bares na Rua do Hospital Velho tiveram de fechar as portas devido ao pó químico; PSP identificou autores dos distúrbios.

5c19b99d4230c08cb7ce9a8a4e92f2ae

Um grupo de adeptos do Benfica foi identificado pela Polícia depois de ter causado distúrbios na baixa do Funchal. Segundo apurou o DIÁRIO, os indivíduos terão descarregado extintores a partir da varanda da residencial onde estão hospedados.

Os distúrbios ocorreram por volta das 6 horas da madrugada deste sábado na Rua do Hospital Velho, situado ao lado do Mercado dos Lavradores, no centro da cidade do Funchal.

Àquela hora, grande parte dos bares já tinham reaberto ao público, mas tiveram de fechar portas devido ao pó químico que se espalhou pelo ar e entrou nos estabelecimentos provocando ardor nos olhos e dificuldades em respirar, reportou ao DIÁRIO um comerciante local. Na rua, os veículos estacionados ficaram cobertos por aquilo que parecia ser espuma de extintor, relatam testemunhas.

A situação motivou a pronta intervenção de uma equipa da Brigada de Intervenção Rápida da PSP que irrompeu pelas instalações da residencial ‘Funchal’ procurando localizar e identificar os autores da ‘brincadeira’. Pelo menos dois indivíduos foram levados para a esquadra do Funchal.

Os adeptos encarnados começaram a chegar à Madeira na noite de sexta-feira e vão permanecer no Funchal até amanhã, para assistir ao jogo Nacional-Benfica, na Choupana.

FONTE: dnoticias