ÁGUIAS QUEREM MAIS DINHEIRO DA NOS

515 milhões do Sporting em causa

 

67afbea2968c2cd551973e935da00a1b

O Benfica contestou os valores recebidos pelo Sporting no contrato celebrado com a NOS em carta registada enviada à operadora. O clube da Luz entende que os 515 milhões anunciados pelo grande rival valorizam mais os direitos televisivos leoninos e mostraram o desagrado à administração liderada por Miguel Almeida.

Na resposta da NOS, a que Record teve acesso, a operadora desmente a versão encarnada, explicando os que milhões atribuídos ao Sporting são superiores, mas porque o contrato em vigor entre o clube de Alvalade e a NOS envolve, para além dos direitos de transmissão televisiva e multimédia e dos respetivos canais de clube, os direitos de publicidade estática e o de principal patrocinador das camisolas. Recorde-se que os encarnados, por seu lado, negociaram a condição de principal patrocinador das camisolas com a empresa de aviação do Dubai, Emirates.

Comissão independente

No sentido de um esclarecimento cabal do problema, a NOS sugeriu ao Benfica a criação de uma comissão independente para verificar os valores dos direitos atribuídos ao Sporting em cada época desportiva.

Record sabe que o diferendo entre os encarnados e a operadora ainda não está resolvido, mas que a estrutura liderada por Luís Filipe Vieira e Soares de Oliveira quer mais dinheiro, tendo por base o entendimento de que o contrato leonino é mais vantajoso e que a majoração dos direitos do Benfica terão de ser avaliados em cerca de 125% das remunerações previstas no contrato celebrado com o Sporting.

Na mesma carta, assinada por Miguel Almeida e Manuel Ramalho Eanes, administradores da NOS, negam a pretensão, apesar de falarem em espírito de cooperação e transparência, reforçando a importância de um parceiro como o Benfica.

Contactada fonte oficial do Sporting, esta recusou quaisquer comentários sobre o tema.

Autor: Bernardo Ribeiro

FONTE: record