Novo Banco reestrutura dívida de Luís Filipe Vieira

Ativos de empresa do presidente do Benfica foram colocados num fundo gerido pelo vice-presidente do clube

Este sábado, o Expresso publica um artigo sobre uma operação financeira, fechada em dezembro do ano passado, que permite ao Novo Banco reestruturar parte da dívida de mais de 400 milhões de euros de Luís Filipe Vieira, um dos maiores devedores do banco. Parte dessa dívida foi reciclada num fundo de reestruturação, gerido pela Capital Criativo, empresa de Nuno Gaioso Ribeiro, vice-presidente do Benfica, e da qual Tiago Vieira também é acionista. O Novo Banco, maior acionista do fundo, recebeu garantias adicionais sobre os ativos transferidos. Entre os outros acionistas do fundo estão a Capital Criativo e a própria Promovalor, empresa de Vieira.