OS CLUBES QUE MAIS GANHARAM NA CHAMPIONS DO ANO PASSADO

Ganhar a Liga dos Campeões é um grande negócio, mas melhor ainda é estar num país com um grande mercado televisivo. A UEFA divulgou quanto dinheiro recebeu cada uma das equipas que estiveram na fase de grupos da época passada. Neste classificação, o Benfica fica a meio da tabela e o FC Porto na metade de baixo. Consegue adivinhar quem é o primeiro? Uma pista: nem sequer esteve na final…

Os 32 clubes participantes na fase de grupos da UEFA Champions League em 2015/16 e os dez eliminados no “play-off” partilharam quase 1,345 milhões de euros em pagamentos da UEFA, mais 315 milhões do que na época anterior.

Os 20 clubes envolvidos no “play-off”, com os dez vencedores a passarem à fase de grupos da UEFA Champions League e os restantes dez a passarem à UEFA Europa League, partilharam 50 milhões de euros, o que significa que o total de pagamentos de participação ascendeu a mais de 1,345 milhões de euros, com 4,17 milhões de euros a serem atribuídos à Associação de Clubes Europeus (ECA), de acordo com o memorando de entendimento com a UEFA, pelo que o total distribuído nesta edição ultrapassou os 1,349 milhões de euros.

Cada clube teve direito a um mínimo pela participação na prova. Além disso, foram pagos prémios de desempenho por cada vitória ou empate na fase de grupos, bem como por cada ronda da fase a eliminar ultrapassada. As verbas provenientes da quota de mercado sido distribuídas de acordo com o valor proporcional do mercado televisivo representado por cada clube individualmente, entre outros factores.

Os maiores beneficiados foram Manchester City FC (€83.8m), Real Madrid CF (€80m), Juventus (€76.2m) e Paris Saint-Germain (€70.8m).

Os números nesta tabela não incluem os pagamentos de solidariedade aos clubes participantes nas pré-eliminatórias que ascendem a 80 milhões de euros, não incluindo também qualquer pagamento adicional de solidariedade feitos às Ligas pelos projectos de formação dos clubes que totalizam 120 milhões de euros.

 

FONTE: UEFA